Saturday, September 4, 2010

Furacão, Ivete e Brazilian Day

Furacão

Só se falou nisso durante toda a semana. Era a previsão do tempo avisando que um furacão se aproximaria de Nova York. Apesar da minha mãe ficar preocupada e pedir para não sair de casa, o fenômeno não chegaria nem perto de onde eu moro.  O “perigo seria para quem mora perto da praia. Mas enfim, ontem passei o dia em casa só por precaução. Afinal, nunca se sabe o que vai acontecer não é? Todos falavam que eu não tinha com o que me preocupar, mas para mim que nasci em um país abençoado onde não existe nada parecido, é assustador ouvir que um furacão está vindo.
A previsão era de tempestade à tarde e a noite o tão falado furacão. No final das contas nem uma gotinha do céu. Não choveu e o furacão só causou um alagamentozinho em algumas praias do Estado de Nova York. O estrago foi só o dinheiro que o Estado gastou trazendo pessoal para previnir uma possível tragédia.   


---------------------------------

Ivete em Nova York

Que essa mulher é um fenômeno  todo mundo já sabe, mas nunca imaginei que um dia ela iria tocar no Madison Square Garden aqui em Nova York. Hoje, ela abriu o show dizendo “sou uma vencedora” e entre lágrimas e brincadeiras Ivete Sangalo levantou poeira, como sempre. Além de dar um pontapé internacional na carreira, a baiana conseguiu reunir 14 mil pessoas e dizem que ela arrecadou 5 milhões de reais com o show. Alguns famosos foram prestigiar a morena, como Luciano Huck, Angélica, Preta Gil, Ana Maria Braga entre outros. Até uma música do Michael Jackson ela cantou em homenagem ao rei do pop. E ontem após a coletiva de imprensa Ivete deu uma caminhada pelo Central Park e ainda pagou o famoso cachorro quente novaiorquino para alguns fãs.  

----------------------------------

O dia mais verde e amarelo de Nova York

Amanhã acontece o famoso “Brazilian Day”, o dia brasileiro para quem quer matar as saudades do país de origem. Às vezes não precisa nem ser brazuca, como chamam por aqui, para ir curtir o evento. Existem muitos americanos e pessoas de outras nacionalidades que adoram o Brasil e têm curiosidade de conhecer mais sobre a nossa cultura.
O palco foi instalado na sexta avenida, entre as ruas 42 e 43. E o espaço reservado para a “bagunça” verde e amarela ia até a rua 59, onde começa o Central Park. A previsão é que uma multidão com mais de um milhão de brasileiros vindos de toda parte do mundo compareça a festa na Big Apple. Luciano Hulk irá comandar a festa que tem como um dos convidados a dupla sertaneja Zezé di Camargo e Luciano. Além da boa música, as barraquinhas de comida sempre faturam bastante com as delícias do nosso país tropical.

1 comment:

siihfernandes said...

oi!
adorei seu blog! eu quero mito morar em NY! mas queria saber como as pessoas te tratam, se vc ja passou por alguma situação ruim por não ser americana, eu conversei com algumas pessoas que me falaram que eles são arrogantes com quem é estrangeiro, entao queria saber por vc que ja ta ai a um tempo, tem preconceito? tenho medo de tentar minha vida em um pais distante longe da minha família e acabar sendo em vão! vc teve alguma dificuldade em arranjar emprego? eu quero fazer dramaturgia e eu sei que é um ramo muito difícil e competitivo queria muito que você me ajudasse, se puder me contar se é difícil morar ai ou nao agradeceria! e também queria saber quanto tempo vc fez inglês para poder ir pra ai! eu só tenho um ano para decidir e tenho medo de nao ser o suficiente!

;*